Safern - Sindicato dos Atletas de Futebol Profissional do Estado do Rio Grande do Norte

Unidos pelo bem de todos

Notícias

22 de fevereiro de 2016 Ronaldo vaiado no San Siro: “Não sabem a verdade”

Ex-atacante do Inter de Milão afirma que tentou voltar ao clube quando acabou assinando com o Milan e diz que vai levar camisa do Brasil para o Papa Francisco

Por GloboEsporte.comMilão, Itália

Na Itália para compromissos como uma visita ao Papa Francisco, Ronaldo quis visitar o San Siro no último fim de semana para matar a saudade do local, onde marcou época por Inter de Milão eMilan. Entretanto, a recepção durante uma partida dos Nerazzurri não foi nada boa, com ofensas lembrando a que o Fenômeno defendeu o rival após ser idolatrado no Inter. Em entrevista à “Gazzetta dello Sport”, o ídolo da seleção brasileira afirmou que recebeu carinho na cidade durante a semana e que uma “minoria” o vaiou.

– Eu não estava esperando nada, não me perguntava “o que vai acontecer?”. E, acima de tudo, eu não fui para San Siro para ver o que ia acontecer, mas apenas porque queria retornar àquele estádio. Por que (estaria arrependido)? Eu andei por Milão por quatro dias e não fiz nada além de tirar fotos e dar autógrafos. Não sabe quanta gente me parou com carinho. Aqueles que me insultaram no sábado à noite foram uma minoria. De qualquer forma, não posso ficar irritado com aqueles que não sabem a verdade ou não entenderam – disse o ex-jogador, que entrou para o hall da fama do futebol italiano e recebeu um troféu em cerimônia nesta segunda.

Ronaldo hall da fama Itália (Foto: Efe)
Ronaldo posa ao lado do presidente da federação italiana, Carlo Tavecchio (Foto: Efe)

Ronaldo afirmou que tentou retornar ao Inter de Milão em 2007, após sua passagem pelo Real Madrid, mas que o clube optou por ficar com Adriano. Enquanto isso, o Milan se mostrou muito interessado em sua contratação – o que o levou para o rival direto e causou revoltar entre os fãs de seu ex-time.

– Eu não poderia mais ficar em Madrid. O Inter sempre esteve e vai seguir em meu coração. E o Milan tentou com todas as suas forças, e o Inter não deu atenção. Assim como cinco anos antes, quando fui para Madrid. Eu teria ficado em determinadas condições – explicou.

O Fenômeno lembrou que manteve ótima relação com Corinthians, Real Madrid e o próprio Inter. Tanto que o atual dono do clube, Erick Thohir, deseja ter Ronaldo como embaixador nerazzurri – o que o brasileiro vê com cautela, por considerar que tal papel é muito abstrato. O ex-atacante também deixou em aberto a possibilidade de se envolver com a Fifa no futuro.

Ronaldo revelou que fará uma entrevista com Zidane nos próximos dias e lembrou que visitará o Papa Francisco em Roma.

– Creio que vou terminar falando de futebol. Posso levar uma camisa do Brasil. Ele não vai se ofender – brincou.

Ronaldo San Siro Inter de Milão (Foto: AFP)

Ronaldo visitou o San Siro no último sábado (Foto: AFP)
Voltar

Inferninho
Futebol Interior
Direito de Arena
Cadastro de Atletas
Fenapaf
Capitão e Paredão

ÚLTIMOS VÍDEOS

Ver mais

FACEBOOK



SAFERN

Sindicato dos Atletas de Futebol Profissional do Estado do RN.
Rua Promotor Manoel Alves Pessoa Neto, 45, sala 1313
Candelária - Natal/RN - CEP - 59.065-555 - CNPJ 09159081/0001-41
Telefone: (84) 99478 - 4556 - contato@safern.com

Horário de atendimento: segunda a sexta - 14h às 18h.